Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Presidente regional reeleito da Andaluzia promete diálogo com a oposição

Sevilha (Espanha), 5 mai (EFE).- O socialista José Antonio Griñán tomou posse neste sábado como presidente reeleito do governo regional da Andaluzia, no sul da Espanha, e em seu discurso garantiu um diálogo leal com a oposição da região e reafirmou sua defesa das políticas públicas.

O ato aconteceu no Parlamento andaluz com a presença de numerosas autoridades civis, religiosas e políticas, entre elas o ministro da Fazenda, Cristóbal Montoro; a delegada do governo na Andaluzia, Carmen Crespo; e o secretário-geral do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Alfredo Pérez Rubalcaba.

Em seu discurso, Griñán se apresentou como o primeiro dos servidores públicos e afirmou que, perante a atual crise econômica que atinge a Espanha, ‘não é tempo de andar pra atrás, mas de políticos valentes, com os pés no chão e que sejam capazes de olhar para frente sem interesses partidários ou pessoais’.

‘Uma sociedade desregulada ou que privatiza serviços públicos essenciais acaba sendo uma sociedade instável’, acrescentou.

Da mesma forma que fez em seu discurso de posse no Parlamento regional na quinta-feira passada, Griñán insistiu em que fará um ‘governo de coalizão com todos os andaluzes’

A união das forças de esquerda permitiu que Griñán permanecesse à frente desta região espanhola, apesar de o conservador Partido Popular (PP) ter sido a força mais votada nas eleições regionais de março.

A Andaluzia, junto com o País Basco, é o único governo regional que o PSOE conserva, já que o PP, liderado pelo presidente do governo espanhol, Mariano Rajoy, governa a maioria das regiões autônomas. EFE