Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Presidente Ramos Horta tem alta na Austrália

Por Giancarlo Lepiani - 19 mar 2008, 09h29

O presidente do Timor Leste, José Ramos Horta, teve alta nesta quarta-feira do hospital em que estava internado desde fevereiro, quando foi alvo de um atentado. Ele saiu do hospital, na cidade australiana de Darwin, sem cadeira de rodas, dizendo estar pronto para concluir sua recuperação e voltar ao seu país. Ramos Horta cumprimentou e presenteou os médicos que fizeram suas cirurgias — deu a eles café timorense e uma foto tirada com o papa Bento XVI, no Vaticano. “Quando fui baleado, o próprio papa rezou por mim”, disse ele. Ramos Horta contou ainda que se lembra de “cada detalhe” do atentado, em que levou três tiros. O ataque foi praticado por soldados ligados ao comandante rebelde Alfredo Reinado. Ramos Horta permanecerá em Darwin por mais algumas semanas antes de voltar a Díli.

Publicidade