Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Presidente do Iêmen estuda plano para saída ‘honorável’

De acordo com proposta da oposição, Saleh deve renunciar até o fim do ano

O ditador do Iêmen, Ali Abdullah Saleh, estuda um plano proposto pela oposição para garantir ao governante uma saída pacífica do poder, segundo informou nesta quinta-feira a agência oficial de notícias Saba. Desde o mês passado, o país é palco de manifestações que exigem a renúncia do presidente, no poder há 32 anos. Saleh, cujo mandato termina em setembro de 2013, reiterou em várias ocasiões que não tem intenção de se candidatar à reeleição, mas também se recusou a abandonar o poder antes disso.

Os cinco partidos da oposição, agrupados na coalizão “Encontro Partilhado”, anunciaram na noite da última quarta-feira que haviam enviado a Saleh um “Mapa do Caminho” para garantir sua saída “honorável e pacífica” do poder. O plano, que contém cinco pontos, exige principalmente que “o presidente se comprometa a renunciar no final do ano em resposta às exigências do povo” e apresente todos os passos a serem tomados para a transferência de poder.

Além disso, a iniciativa pede que as autoridades investiguem os métodos violentos empregados pela polícia para reprimir os manifestantes nos protestos registrados em Sana e outras cidades, especialmente no sul do país. O plano da oposição também exige que os mandantes dos disparos contra os manifestantes se apresentem à Justiça e inclui a permissão de protestos pacíficos no Iêmen.

infográfico relação países árabes infográfico relação países árabes

infográfico relação países árabes (/)

(Com agência EFE)