Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Prêmio de risco da Espanha alcança 437 pontos básicos

Por Da Redação 15 nov 2011, 05h21

Madri, 15 nov (EFE).- O prêmio de risco da Espanha, medido pela diferença entre os bônus espanhol e o alemão a dez anos, começava a sessão nesta terça-feira em alta e marcava um novo máximo de 437 pontos básicos, cinco a mais que no fechamento da véspera e seu nível mais alto desde a criação do euro.

A rentabilidade do bônus espanhol se elevava até 6,105%, perto do máximos histórico de agosto deste ano, quando superou 6,2%, enquanto o rendimento do bônus germânico se situava em 1,795%.

O castigo que os mercados infligiram ontem à dívida soberana espanhola parece se manter hoje, à espera que Itália e Grécia concretizem seus planos de ajuste e garantam a viabilidade da zona do euro.

Com exceção da Itália, que também destoava ligeiramente na abertura da sessão do mercado da dívida para até 496 pontos básicos, as gratificações de risco de outros países da zona do euro mostravam mais tranquilidade.

A pontuação da Grécia caía para 2.629 pontos básicos e a França perdia um ponto e se situava em 163. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade