Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Polícia nega que material encontrado em casa de vítimas de massacre seja explosivo

O alerta fez com que um esquadrão antibombas fosse enviado ao local nesta manhã, bloqueando o trânsito e evacuando a região

Por Da Redação 10 set 2012, 12h34

A polícia do condado de Surrey, no sul de Londres, divulgou nesta segunda-feira que o material suspeito de ser explosivo encontrado na casa da família britânica cujos membros foram vítimas de uma massacre nas proximidades do lago Annecy, na França, não é periogoso.

Um esquadrão antibombas foi enviado esta manhã à residência do britânico de origem iraquiana Saad Al Hilli, situada na localidade de Claygate, ao sul de Londres. Em razão da ameaça, o trânsito local foi bloqueado e a área foi evacuada. As medidas foram suspensas após o aviso de alarme falso.

Saiba mais:

Polícia investiga se briga por dinheiro motivou matança nos Alpes

corpos do engenheiro e de sua esposa, também natural de Bagdá, e da mãe desta, também iraquiana, mas de nacionalidade sueca

(Com Agência France-Presse e Reuters)

Continua após a publicidade
Publicidade