Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pesquisas apontam vitória de Obama no segundo debate

Presidente venceu para 46% dos eleitores na enquete da 'CNN'; Romney ficou com 39%. No levantamento da 'CBS News', Obama teve 37% e o rival 30%

Após ter um desempenho claramente inferior no primeiro debate presidencial para as eleições de 6 de novembro, duas semanas atrás, o presidente americano Barack Obama, candidato à reeleição, se recuperou no embate desta terça-feira. Com uma postura mais agressiva e exibindo mais energia, Obama foi apontado como vencedor do encontro pelas pesquisas das redes CNN e CBS News, realizadas com eleitores republicanos, democratas e indecisos, divididos igualmente.

Leia mais:

Em 2º debate, Obama e Romney têm mais momentos de enfrentamento

No levantamento da CNN, 46% dos entrevistados deram a vitória ao democrata, enquanto 39% preferiram Mitt Romney. Já na pesquisa da CBS News, Obama foi apontado vencedor por 37% dos eleitores, contra 30% do republicano – 33%, no entanto, consideraram um empate, demonstrando que a performance do presidente não impressionou tanto em relação à do adversário. Nas duas enquetes, a margem de erro é de quatro pontos percentuais, para mais ou menos.

No primeiro debate, realizado no dia 3 de outubro, 67% dos telespectadores da CNN consideraram que Romney foi melhor, contra 25% que preferiram o desempenho de Obama. Já a enquete realizada pela CBS News revelou que 46% acharam que o republicano ganhou o encontro, contra 22% que viram Obama melhor e 34% que se inclinaram pelo empate.

Auditório – O debate desta terça foi realizado no estado de Nova York, com um formato de auditório, que previa perguntas de eleitores indecisos tanto sobre temas da agenda interna como externa. Os assuntos domésticos dominaram a mais de uma hora e meia do encontro, período em que os dois candidatos trocaram acusações e ironias. Obama foi mais combativo, criticou posições de Romney e procurou mostrar contradições no rival, enquanto o republicano se concentrou em criticar o governo e promessas não cumpridas de Obama.

O terceiro e último debate presidencial americano, que tratará exclusivamente de política externa, será realizado na próxima segunda-feira em Boca Raton, no estado da Flórida. A discussão deverá ter como foco questões relacionadas às tensões entre Israel e Irã, às guerras no Afeganistão e no Paquistão e ao crescimento da China.

Caio Blinder:

Obama e as leis da gravidade política

Romney dispara uma retórica convencional contra Obama