Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pesquisa mostra Romney 14 pontos na frente de Gingrich na Flórida

Miami, 30 jan (EFE).- O pré-candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos Mitt Romney ampliou sua vantagem na Flórida sobre seu principal rival, Newt Gingrich, segundo os dados divulgados nesta segunda-feira pela Universidade Quinnipiac a menos de 24 horas das primárias neste estado.

De acordo com essa pesquisa, o ex-governador de Massachusetts alcançará 43% dos votos, contra 29 % que obterá o ex-presidente da Câmara de Representantes em uma das primárias nas quais o voto latino será decisivo.

Apenas 7% dos potenciais eleitores estão indecisos, mas 24% disseram que poderiam mudar de opinião no dia das eleições, segundo a enquete realizada entre sexta-feira e sábado com 539 possíveis eleitores republicanos da Flórida, com uma margem de erro de 4,2%.

Na pesquisa anterior feita pela mesma universidade e divulgada na sexta-feira passada, Romney tinha 9 pontos de vantagem sobre Gingrich (38% a 29%).

Segundo os dados divulgados hoje, Romney obtém 38% do apoio dos cristãos evangélicos brancos, contra 33% que apoiam Gingrich, e tem o respaldo de 40% dos membros de Tea Party, contra 35% do segundo.

O ex-governador ‘está caminho da vitória com números de dois dígitos’ de diferença sobre Gingrich, destacou Peter A. Brown, subdiretor do Instituto de Votação da Universidade Quinnipiac.

Brown acrescentou que Romney superou Gingrich na captação de ‘cada parte da coalizão do Partido Republicano’, inclusive os que se descrevem como conservadores, cristãos evangélicos brancos e seguidores do Tea Party.

‘Se esta margem se mantiver amanhã, é difícil ver até onde Gingrich vai a partir daqui’, comentou o analista, em referência à possibilidade de Romney ganhar os 50 delegados em jogo (chegando a 81) e acumular duas vitórias, enquanto seu rival, que ganhou as primárias da Carolina do Sul, ficaria com 26 delegados. EFE