Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pentágono desenvolve robô felino capaz de correr a 29 km/h

Washington, 6 mar (EFE).- O centro de pesquisas do Departamento de Defesa dos Estados Unidos (Pentágono) desenvolveu um robô de quatro patas, batizado de Cheetah (nome em inglês do felino guepardo), capaz de correr a 29 quilômetros por hora, com a intenção de ajudar soldados no campo de batalha futuramente.

A Agência de Investigação de Projetos Avançados de Defesa dos EUA (Darpa) informou nesta terça-feira que o robô bateu o recorde de 21 quilômetros por hora marcado em 1989 por um autômato criado por cientistas do Instituto Tecnológico de Massachusetts (MIT).

A destreza do Darpa, mostrada em um vídeo no YouTube (http://www.youtube.com/watch?v=d2D71CveQwo), é fruto da colaboração entre a agência do Pentágono e a empresa Boston Dynamics dentro de um projeto para desenvolver robôs de alta mobilidade para ajudar as Forças Armadas no futuro.

Em comunicado, a Darpa destacou o importante papel do uso de robôs no terreno para missões de desativação de explosivos e para salvar vidas em campo de batalha, mas por enquanto não revelaram quais missões o Cheetah poderia realizar.

A nova criação do Pentágono imita os movimentos de um guepardo e possui costas flexíveis, como se fosse a de um animal, para aumentar sua velocidade durante a corrida – embora por enquanto ainda não alcance os 115 quilômetros do guepardo real, de carne e osso.

O robô está propulsado por um complexo sistema hidráulico, conectado a uma bomba exterior. No entanto, os engenheiros esperam poder testar uma versão do Cheetah em corrida livre no final deste mesmo ano.

Espera-se que este robô de aparência animal possa alcançar velocidades ainda maiores, ser capaz de desviar obstáculos e ajudar as Forças Armadas em operações de combate.

O Pentágono vem destinando um grande volume de recursos ao desenvolvimento de robôs de guerra, como os já operacionais aviões não tripulados (drones), e está começando a dar os primeiros passos em máquinas autônomas que podem acompanhar os soldados a pé.

Outros dos projetos conjuntos entre a Darpa e a Boston Dynamics incluem o LS3, um robô quadrúpede que pode se movimentar livremente, e o BigDog, capaz de explorar terrenos de difícil acesso. EFE