Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Penitenciária de segurança máxima é evacuada na Tailândia

Presos foram transferidos após temor de que água afete sistema de segurança

Por Da Redação 26 out 2011, 05h03

As autoridades da Tailândia começaram nesta quarta-feira a evacuar os presos da penitenciária de segurança máxima de Bang Kwang, depois que o governo alertou a população de Bangcoc que sua inundação parcial está próxima.

Em meio a estritas medidas de segurança, um comboio de caminhões escoltado por guardas armados com fuzis transferiu para outra prisão o primeiro grupo do total de 600 presos de um dos pavilhões do presídio de Bang Kwang, nos arredores de Bangcoc e o maior da Tailândia.

A evacuação desta prisão, onde estão os condenados à pena de morte e à cadeia perpétua, foi decidida pelo departamento porque a alta do nível da água que inundará a penitenciária pode causar avarias em seu sistema de segurança.

O diretor-geral de Instituições Penitenciárias, Suchart Wongsanatchai, disse à televisão estatal que a prisão abriga cerca de 20 mil detentos tailandeses e de outras nacionalidades e que todos eles podem ser transferidos para outras prisões.

Na segunda-feira passada, cerca de mil presos da penitenciária de Thanyaburi, próxima à capital, foram transferidos para outras prisões do país diante da ameaça de inundação.

O governo advertiu nesta quarta-feira que várias áreas de Bangcoc permanecerão inundadas por mais de um mês por causa da tromba d’água de água que supera os diques erguidos no perímetro para evitar que a capital seja alagada como o planalto central do país.

(com Agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade