Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Paul Ryan divulga declaração de renda dos últimos 2 anos

Vice de Mitt Romney pagou 15,9% de imposto em 2010 e 20% no ano seguinte

Por Da Redação 18 ago 2012, 05h03

O candidato republicano a vice-presidente dos Estados Unidos, Paul Ryan, pagou 15,9% de imposto de renda em 2010 e 20% em 2011, revela sua declaração de rendimentos divulgada nesta sexta-feira pela equipe da campanha presidencial de Mitt Romney.

Leia mais: Democratas pressionam Mitt Romney sobre pagamento do IR

Paul Ryan e sua mulher Janna pagaram 64.764 dólares em impostos sobre a renda total de 323.416 dólares em 2011. No ano anterior, o casal teve uma renda de 215.417 dólares, pela qual pagou 34.233 dólares de imposto. Outro dado mostra que Paul e Janna doaram 2.600 dólares para a caridade em 2010. Quantia que aumentou para 12.991 no ano seguinte. A política da campanha republicana de difundir apenas as declarações de renda dos últimos dois anos dos candidatos tem sido criticada pelos democratas, que pedem a divulgação dos números referentes aos anos anteriores a 2010.

A campanha do presidente Barack Obama, que tentará a reeleição no dia 6 de novembro, acusa Romney de ser um empresário elitista e insensível à situação dos americanos menos favorecidos. Os democratas citam como exemplo a posição favorável de Romney ao corte de impostos sobre os mais ricos e sobre as empresas.

Leia mais: Escolha de Paul Ryan para vice tranquiliza conservadores

Romney e os impostos – A declaração de 2010 do candidato republicano mostra que, com uma fortuna estimada de aproximadamente 250 milhões de dólares e investimentos em paraísos fiscais, Romney pagou 13,9% em impostos, enquanto a maioria dos americanos contribui com uma taxa de 23% a 35% de sua renda. O candidato ainda não divulgou a declaração de 2011, embora tenha fornecido uma estimativa.

Com as críticas de falta de transparência, Romney disse nesta quinta-feira que pagou pelo menos 13% de sua renda em impostos nos últimos 10 anos. Essa foi a explicação mais clara até o momento sobre sua situação fiscal. O senador democrata Harry Reid insinuou recentemente que o candidato republicano não pagou impostos durante a última década. Segundo Romney, as afirmações são “totalmente falsas”.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade