Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Paris deve cercar Torre Eiffel com parede de vidro à prova de balas

Projeto visa proteger o ponto turístico de ataques terroristas e custará 20 milhões de euros aos cofres públicos

Por Da redação Atualizado em 9 fev 2017, 18h25 - Publicado em 9 fev 2017, 18h24

Torre Eiffel, um dos pontos turísticos mais famosos do mundo, poderá ganhar uma parede de vidro reforçado ao redor de sua base. Projetada para impedir a entrada de indivíduos e de veículos que tentarem invadir o local, a barreira à prova de balas funcionará como uma proteção adicional contra ataques terroristas, informou a prefeitura de Paris nesta quinta-feira.

Se o projeto for aprovado, a cerca de metal já existente ao redor da base do monumento, construída para o campeonato de futebol Eurocopa no ano passado, será substituída por uma parede de vidro de 2,5 metros de altura. Inaugurada em 1889, a Torre Eiffel recebe seis milhões de visitantes por ano.

O projeto será apresentado a uma comissão de obras e depois ao Ministério do Meio Ambiente. Se aprovado, custará  em torno de 20 milhões de euros (quase 70 milhões de reais), segundo a rede BBC.

Paris permanece em estado de alerta desde os ataques de militantes jihadistas, que mataram 130 pessoas na capital em novembro de 2015. Segundo o secretário de turismo municipal, Jean-François Martins, a parede será construída visando três objetivos: “melhorar o visual, facilitar o acesso e reforçar a proteção de visitantes e funcionários”. 

(Com agencia Reuters)

Continua após a publicidade

Publicidade