Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Papa aprova programa para visita a Cuba em março

Por Da Redação 1 jan 2012, 19h52

Havana, 1 jan (EFE).- O papa Bento XVI aprovou o programa para a visita que realizará de 26 a 28 de março a Cuba, onde a sua chegada será recebida pelo presidente Raúl Castro, anunciou neste domingo a Conferência de Bispos Católicos de Cuba (COCC).

O papa chegará na cidade de Santiago de Cuba no dia 26 de março à tarde e ‘será recebido oficialmente pelo Presidente Raúl Castro, pela Conferência de Bispos Católicos de Cuba e pelo arcebispo da cidade’, informa a nota divulgada pelos bispos católicos.

O programa fixado para sua permanência na ilha foi apresentado ao papa pelos responsáveis por suas viagens após as reuniões preparatórias que mantiveram com autoridades do Governo e a COCC durante a visita efetuada a Havana em meados de dezembro.

Bento XVI, de 84 anos, viajará ao México e a Cuba em sua segunda visita à América Latina – ele esteve no Brasil em 2007 – e primeira a países de fala espanhola na região.

A viagem do papa coincidirá com a comemoração do IV centenário do encontro da imagem de Nossa Senhora da Caridad del Cobre, a padroeira de Cuba.

Continua após a publicidade

A viagem de apenas três dias do papa a Cuba será concluída em Havana, onde ao meio-dia de 27 de março será recebido no aeroporto José Martí pelo cardeal Jaime Ortega, junto a bispos auxiliares, autoridades religiosas e civis.

Neste dia, Bento XVI realizará o encontro oficial com o líder Raúl Castro e se reunirá com bispos católicos.

Como fechamento de sua agenda, o papa tem programado realizar no dia 28 de março uma missa na emblemática Praça da Revolução José Martí, em Havana

A viagem de Bento XVI será a segunda de um papa a Cuba, após a visita de João Paulo II em 1998, que foi considerada ‘histórica’. EFE

rmo/dsm

Continua após a publicidade
Publicidade