Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ortega busca terceiro mandato presidencial na Nicarágua

O presidente e sua mulher e vice-presidente, Rosário Murillo, lideram as pesquisas de opinião e devem se manter no comando do país

Os nicaraguenses votaram neste domingo em eleições polêmicas devido à falta de observadores internacionais e sem uma oposição real ao chefe de Estado atual, Daniel Ortega, que busca um terceiro mandato consecutivo junto a sua mulher Rosário Murillo.

A maioria das seções eleitorais estavam parcialmente vazias. A população atendeu a uma convocatória da oposição que recomendou aos eleitores que não votasse para “deslegitimar” eleições das quais foram excluídos por uma decisão da Justiça que cassou candidaturas opositoras.

As eleições são dominadas por Ortega, que completará 71 anos em 11 de novembro e desfruta de uma ampla vantagem: segundo as últimas pesquisas, conta com 69,8% dos votos, sob a bandeira da Frente Sandinista de Libertação Nacional (FSLN), muito acima dos cinco candidatos de pequenos partidos de direita.

A oposição, que qualifica as eleições como uma “farsa”, busca impedir que Ortega, que controla todo o aparato estatal, instaure uma nova dinastia no país similar à da família Somoza, que governou a Nicarágua entre 1934 e 1979.

Os nicaraguenses elegerão presidente e vice, 90 deputados da Assembleia Nacional e outros 20 do Parlamento Centro-americano.

(Com AFP)