Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Opositor venezuelano denuncia Chávez por crimes contra a humanidade

O pré-candidato presidencial venezuelano Diego Arria denunciou nesta segunda-feira o presidente Hugo Chávez por crimes contra a humanidade ante o Tribunal Penal Internacional (TPI) de Haia, que deverá estudar sua admissibilidade, apesar de nunca, até o momento, ter aceitado a queixa de um particular.

“Eu me reuni com o promotor Luis Moreno Ocampo para entregar mais de 600 páginas de documentação”, afirmou Arria, que foi governador, ministro e embaixador da Venezuela ante a ONU antes do governo Chávez.

Arria afirmou ter entregado mais de 500 entrevistas de vítimas, documentação audiovisual e 40 páginas de palavras do próprio Chávez, que provam “deslocamentos forçados, assassinatos e torturas”.

O TPI é o primeiro tribunal permanente encarregado de julgar os autores de genocídios, crimes contra a humanidade e crimes de guerra por iniciativa de seu promotor ou dos Estados que assinaram o Estatuto de Roma, com base em seu funcionamento jurídico.