Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Obama arrecada US$ 29 milhões para sua campanha de reeleição em janeiro

Washington, 17 fev (EFE).- O presidente americano, Barack Obama, arrecadou em janeiro US$ 29,1 milhões para sua reeleição, a maior parte procedente de pequenas doações, informaram nesta sexta-feira no Twitter os responsáveis de sua campanha.

Grande parte das doações foi feita em ações para arrecadar fundos ou através do site ‘barackobama.com’, uma via que durante a primeira campanha presidencial de Obama, em 2008, se mostrou bastante efetiva.

Os recursos arrecadados em janeiro pela campanha de Obama elevam a verba total para as eleições presidenciais de novembro a US$ 250 milhões, segundo cálculos do ‘The Washington Post’, que o indica como o candidato presidencial com mais dinheiro disponível.

Os fundos estão sendo bastante vigiados desde que o presidente decidiu aceitar o apoio dos conhecidos como ‘Super PAC’ (‘comitês políticos de ação’ independentes), que não estão diretamente vinculados ao candidato e podem arrecadar valores ilimitados apresentados por milionários ou empresas.

Com fim de ‘jogar com as mesmas regras’ que seus rivais republicanos, Obama decidiu aprovar o ‘Super PAC’ por meio da Priorities EUA Action, apesar de ter criticado reiteradamente o fato de que esses grupos possam receber e gastar fundos sem limites em campanhas políticas.

Os recursos arrecadados pelo comitê de campanha de Obama são superiores aos disponíveis pelos aspirantes republicanos, liderados pelo ex-governador de Massachusetts Mitt Romney, o ex-presidente da Câmara de Representantes Newt Gingrich e o ex-senador pela Pensilvânia Rick Santorum.

Segundo o site ‘Opensecrets.org’, que reúne estes dados, Romney arrecadou nos últimos três meses de 2011 algo mais de US$ 23 milhões, enquanto Gingrich conseguiu US$ 9,7 milhões e Santorum acumulou cerca de US$ 916 mil.

Romney, favorito para se proclamar candidato republicano às presidenciais, recebeu apenas 9% do total de seus fundos de pequenos doadores em 2011. EFE