Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Obama apela para um aumento da vigilância (Casa Branca)

O presidente Barack Obama pediu neste sábado “um aumento da vigilância e do estado de alerta” no país, num momento em que os Estados Unidos lembram o décimo aniversário do 11 de Setembro, sob a ameaça de um novo atentado, anunciou a Casa Branca.

Obama pediu que sua equipe nacional de segurança “apure com vigor” toda a informação da inteligência sobre a possibilidade de um ataque com bomba, e que o país “não relaxe” as medidas de contraterrorismo nas próximas semanas e meses.

O presidente saudou “a excelente coordenação e a partilha de informações em níveis federal, estadual e das coletividades locais”, que vêm ocorrendo.

Mas destacou que os Estados Unidos “não devem tão cedo baixar a guarda em seus esforços, porque a segurança dos americanos é a prioridade” do governo.

Segundo a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, a Al-Qaeda está por trás de uma nova ameaça de atentado “específica, verossímil, mas não confirmada” contra os Estados Unidos.