Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Obama anuncia envio de 100 soldados a Uganda

Tropas americanas lutarão contra Exército de Resistência do Senhor

O presidente americano, Barack Obama, anunciou nesta sexta-feira o envio de 100 soldados equipados para combate a Uganda para ajudar a lutar contra os rebeldes do Exército de Resistência do Senhor (LRA), acusado de matar, sequestrar e estuprar milhares de pessoas na África. Os soldados também serão mobilizados em outros países vizinhos onde a LRA está presente.

“Essas forças agirão como assessoras de tropas amigas, que têm por objetivo eliminar do palco de batalha Joseph Kony e outros líderes do LRA”, disse Obama, acrescentando que um pequeno grupo de soldados será mobilizado na quarta-feira e o resto no próximo mês. “Embora as forças americanas estejam equipadas para o combate, nossos soldados apenas darão informações, conselhos e assistência”, acrescentou o presidente.

No dia 4 de outubro, o responsável para a região da África do exército americano, o general Carter Ham, afirmou que Kony, procurado pelo Tribunal Penal Internacional (TPI) por crimes de guerra e contra a humanidade, encontra-se “provavelmente” na África Central.

Guerrilha – A LRA, conhecida por ser uma das guerrilhas mais brutais do mundo, está ativa desde 1988 no norte de Uganda, mas desde 2005 seus combatentes estão instalados no extremo nordeste da República Democrática do Congo (RDAC), assim como na África do Sul e no Sudão do Sul.

(Com agência France-Presse)