Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Número de mortes por terremoto no Equador chega a 659

O governo informou que 4.605 pessoas sofreram ferimentos e 40 permanecem desaparecidas

A Secretaria de Gestão de Riscos (SGR) do Equador atualizou para 659 o número de mortes causadas pelo terremoto que atingiu o litoral do país no último dia 16. O tremor de magnitude 7,8 também deixou 29.067 pessoas temporariamente desabrigadas.

O último relatório da SGR afirma ainda que 40 pessoas permanecem desaparecidas e que 27.732 receberam atendimento médico. Além disso, 281 escolas ficaram danificadas pelo tremor e 113 pessoas foram resgatadas com vida dos escombros.

Leia mais:

Cão herói morre de exaustão depois de resgatar sete vítimas de terremoto no Equador

Equador teve mais de 700 tremores secundários em uma semana

Equador volta a sofrer forte terremoto

O governo equatoriano declarou situação de emergência nas províncias de Esmeraldas, Manabí, Santo Domingo de los Tsáchilas, Guayas, Santa Elena e Los Ríos, assim como estado de exceção em todo o território nacional.

O presidente do Equador, Rafael Correa, agradeceu à sociedade pela solidariedade demonstrada assim que o terremoto aconteceu. Mais de 20 países de todo o mundo enviaram ajuda humanitária para o Equador, que incluiu mais de mil especialistas em trabalhos de resgate de vítimas e atendimento aos afetados.

(Com EFE)