Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Número de brasileiros presos na fronteira americana cresce 142%

A principal rota dos imigrantes brasileiros ilegais continua sendo a através da fronteira mexicana

O número de brasileiros detidos ao tentarem entrar ilegalmente nos Estados Unidos cresceu 142% no ano passado em relação a 2015, reporta nesta quarta-feira a Folha de S. Paulo, com dados obtidos da Patrulha da Fronteira americana.

Em 2016, 3.252 brasileiros foram presos tentando imigrar para os EUA, um número que totaliza nove casos por dia, em média. Os dados são os mais elevados dos últimos cinco anos. Em 2015, foram detidos 1.344 brasileiros.

A principal rota dos imigrantes brasileiros ilegais continua sendo a através da fronteira mexicana: 3.118 (96%). Em segundo lugar, com 91 casos, aparece a costa da Flórida. O estado do sul dos EUA abriga os portos de desembarque dos brasileiros que tentam entrar de barco a partir das Bahamas e de outras ilhas do Caribe.

Leia mais – “Fui barrada em Miami

Desaparecidos — Desde o dia 6 de novembro, doze brasileiros estão desaparecidos na rota para chegar aos Estados Unidos via Bahamas. Até o momento, não há conclusão definitiva sobre o que aconteceu com o grupo, que reúne imigrantes de Minas Gerais, São Paulo, Pará, Paraná e Rondônia.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Ataíde Jorge de Oliveira

    PäTRi_aLLmmADEN
    ÇéUs FiLLhöSS
    êRRaVaN_Çego$$ peLLo_ïN_CONTiNiENTE

    Curtir

  2. Micky Oliver

    Brasileiros burros são pegos na fronteira, os inteligentes, tiram o visto de turista e entram pela porta da frente!

    Curtir

  3. Adilson Nagamine

    Tentar entrar ilegalmente nos Estados Unidos é burrice.

    Curtir

  4. Freitas Luiz

    Micky Oliver, se tem alguém burro aqui é você. Que fica julgando os outros pela sua régua. Estas pessoas só vão nestas condições porque não conseguem visto. E mesmo com visto que parece ser o seu caso de sujeito rico e mal esclarecido, pode de ser barrado pela imigração e ser devolvido de volta ao pais de origem. E se você não é rico, a opção acima tem grande chance de ocorrer, basta um agente da imigração não ir com sua cara e adeus USA.

    Curtir

  5. Ex-microempresário

    Freitas, à parte seu comentário preconceituoso, é fato que tentar entrar ilegalmente nos EUA pela fronteira do México é caro, arriscado, e portanto, burrice.

    Curtir

  6. PSEUDÔNIMO Ataíde Jorge de Oliveira, definitivamente você tem algum problema!

    Curtir

  7. Freitas Luiz

    Ex Micro empresario isto não é preconceito e uma simples constatação. Os EUA só querem alguém que leve dinheiro pra lá e não que traga. Se você não consegue entender as coisas sorry.

    Curtir

  8. Gustavo Woltmann

    Depois da crise ainda teremos mais gente tentando entrar em outros países e com o novo governo do Trump não tenho dúvidas de que muitos, que tem até um visto provisório, permanente ou algo do tipo, vão acabar tendo que voltar. É isso…

    Curtir

  9. Adriano Titonelli

    Então foi ali (foto acima) que Armstrong fincou a bandeira dos Estado Unidos…

    Curtir

  10. Neide Carrera

    Se outros países tem acesso livre pra transitar neste país, não há motivo para barrarem brasileiros, a ilegalidade reside ai, outros países querem imunidade, no entanto viralizam, exploram vergonhosamente, alem de vender suas muambas tipo exportação, precisam de nós, do nosso dinheiro, do nosso turismo também, sem contar que muitos bancam de “inteligentes” , falando linguas diferentes mas difamam nosso país pra se fazer de vedete, exemplo claor foram os atletas olimpicos, que só depois desmascarados, é que assumiram. Quantos fazem o mesmo e invertem a situação pra eles.

    Curtir