Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Nova York pagará 100 dólares para quem se vacinar contra a Covid-19

Medida tem como objetivo acelerar a campanha de vacinação na cidade, que apresentou queda nas últimas semanas

Por Da Redação 28 jul 2021, 13h45

O prefeito da cidade de Nova York, Bill de Blasio, anunciou nesta quarta-feira, 28, que o governo dará 100 dólares para aqueles que se vacinarem em um dos postos de vacinação administrados pela prefeitura. 

A medida, que passará a valer já a partir da próxima sexta-feira, tem como objetivo impulsionar a campanha de vacinação no município, que teve uma queda acentuada no ritmo nas últimas semanas. Segundo dados oficiais, cerca de 10 milhões de doses já foram administradas, com 54,4% da população completamente vacinados o equivalente a 8,3 milhões de pessoas.

Em entrevista à imprensa, De Blasio insistiu que a vacinação é a única via capaz de garantir a recuperação econômica da cidade e defendeu a importância de incentivos financeiros para estimular a população. 

Não é a primeira vez que Nova York utiliza-se de estímulos para que a população receba os imunizantes. Em outros momentos, já foram feitas ações que vão desde sorteios de 5 milhões de dólares até a distribuição de hambúrgueres e batatas fritas.

A doação de dinheiro como forma de incentivo também não é novidade nos Estados Unidos. Diferentes cidades já fizeram uso do artifício para estimular as pessoas a receberem as doses dos imunizantes, principalmente após a grande diminuição de aplicações diárias que acontece em todo o país.

Continua após a publicidade

Nos últimos dias, a cidade de Nova York e outros municípios espalhados pelos EUA começaram a impor ordens para que funcionários municipais sejam vacinados ou, caso se recusem, que realizem testes frequentes para Covid-19. A medida visa conter o avanço da variante Delta, responsável por 83% dos casos da doença no país. 

Além disso, o Centro de Controle e Prevenção de Doença dos Estados Unidos (CDC), voltou a recomendar o uso de máscaras na maioria dos locais fechados, dois meses após ter recomendado o contrário. 

Os Estados Unidos já aplicaram, até o momento, mais de 343 milhões de doses da vacina, com 163 milhões de americanos completamente imunizados. Desde o início da pandemia, 34,6 milhões de casos do novo coronavírus foram registrados, com 611 mil mortes.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.