Clique e assine a partir de 9,90/mês

Na Síria, forças do governo atacam opositores em funeral

Confrontos já mataram quatro pessoas no país

Por Da Redação - 19 mar 2011, 14h45

As forças de segurança do governo sírio dispararam bombas de gás lacrimogêneo contra opositores no funeral de dois manifestantes mortos na onda de violência da última sexta-feira. A cerimônia reunia, neste sábado, milhares de pessoas na cidade de Deraa, no sul do país, que aproveitavam a ocasião para protestar contra o governo. Pelo menos uma das pessoas presentes ao funeral foi presa pela polícia, e diversas pessoas se feriram enquanto a multidão fugia dos ataques.

Quatro pessoas morreram no confronto de sexta-feira, o primeiro grande conflito a atingir a Síria desde o início da onda de revoltas no mundo árabe. Os manifestantes participavam de um protesto pacífico em favor de liberdades políticas e contra a corrupção no país, que há quase meio século é governada sob leis de emergência pelo Partido Baath, do ditador Bashar al-Assad.

Publicidade