Clique e assine a partir de 9,90/mês

Na lanterna do partido Democrata, Tulsi Gabbard desiste das primárias

Sem expressão nas pesquisas eleitorais, a deputada pelo Havaí agora apoia a pré-candidatura à Casa Branca do ex-vice-presidente Joe Biden

Por Da Redação - 19 mar 2020, 12h50

A deputada pelo Havaí Tulsi Gabbard, de 38 anos, abandonou nesta quinta-feira, 19, seu pleito à nomeação democrata para as eleições presidenciais de 2020 nos Estados Unidos. Restam na disputa do partido apenas o ex-vice-presidente Joe Biden e o senador Bernie Sanders. Agora que está fora da campanha, endossou a campanha de Biden.

Gabbard aparecia nas pesquisas eleitorais com 3% das intenções de votos, segundo o site Real Clear Politics. A deputada acabou por não conseguir fôlego para sustentar sua campanha. Com apenas dois delegados conquistados nas prévias desde fevereiro – dos 2.233 já distribuídos – a ex-pré-candidata era a lanterna do partido Democrata.

Sua resistência ao longo deste período de primárias causava surpresa. Pré-candidatos mais bem posicionados, como a senadora Elizabeth Warren e o magnata Michael Bloomberg, já haviam desistido. A deputada, que participou apenas de um dos debates democratas, tinha a política externa americana como sua plataforma eleitoral. Veterana da guerra no Iraque, Gabbard defendia uma política de não intervenção dos Estados Unidos em outros países.

Publicidade