Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Morre Belisario Betancur, presidente da Colômbia nos anos 1980

Governante iniciou negociações de paz com cinco grupos guerrilheiros, mas não alcançou acordos de paz

Responsável por iniciar negociações de paz com as guerrilhas na Colômbia, o ex-presidente Belisario Betancur, que comandou o país entre 1982 e 1986, morreu aos 95 anos de idade nesta sexta-feira, 7, Clínica Santa Fé de Bogotá, onde estava internado para tratar um problema renal.

Natural de Amagá, no departamento de Antioquia, Betancur manteve-se fiel durante sua carreira política ao Partido Conservador Colombiano, que apoiou a eleição do atual presidente, Iván Duque, e de seus antecessores Juan Manuel Santos e Álvaro Uribe.

Durante seu governo, iniciou diálogos com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), o Exército Popular de Libertação (EPL), o Movimento 19 de Abril (M-19), com o Exército de Libertação Nacional (ELN) e com a Autodefesa Operária (ADO). Dessas guerrilhas, o governo do atual presidente, Iván Duque, ainda negocia com a ELN e se enfrenta com dissidentes das Farc.

Betancur não obteve, no seu mandato, o resultado esperado. Seu mandato acabou marcado pela tomada do Palácio da Justiça, em Bogotá, por guerrilheiros  do M-19. A ação terminou no dia seguinte, deixando 94 mortos, entre eles os 11 juízes da Corte Suprema de Justiça.

No mesmo mês, o vulcão Nevado del Ruiz entrou em erupção, apagando do mapa o município de Armero, no centro do país. O fenômeno deixou cerca de 25 mil mortos.

Betancur também é lembrado por desistir de sediar a Copa do Mundo de 1986 porque considerava que o país não podia atender às exigências da Fifa e preferia investir os recursos necessários em obras de maior utilidade para a população.

Uma das últimas aparições públicas de Betancur ocorreu em 13 de novembro passado, quando assistiu à cerimônia de entrega das condecorações da Ordem de Isabel aos escritores colombianos Juan Gabriel Vásquez e Héctor Abad Faciolince, na Embaixada da Espanha em Bogotá,

Na cerimônia, o ex-presidente discursou de sua cadeira de rodas. Sua morte foi anunciada por meio de um breve comunicado do hospital.  “A direção médica da Fundação Santa Fé de Bogotá informa o falecimento do senhor ex-presidente da República Belisario Betancur, no dia 7 de dezembro, às 14h32 (horário local).”

A vice-presidente da Colômbia, Marta Lucía Ramírez, chegou a anunciar a morte de Betancur na quinta-feira pelo Twitter, mas corrigiu a informação minutos depois.

(Com EFE e AFP)