Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Morre aos 108 anos o mais velho sobrevivente de Auschwitz

Antoni Dobrowolski foi levado em junho de 1942 ao campo de concentração

O polonês Antoni Dobrowolski, o mais velho sobrevivente do campo de concentração de Auschwitz, morreu aos 108 anos, informou nesta terça-feira a rádio pública da Polônia. Dobrowolski foi levado a Auschwitz em junho de 1942 por dar aulas em uma escola clandestina, já que durante a ocupação nazista na Polônia os colégios para crianças polonesas estavam proibidos além do ensino fundamental.

Leia mais:

Os alemães sabiam – e aplaudiam – atrocidades do nazismo

O próprio Dobrowolski descreveu o campo de concentração como um lugar “pior que o inferno”, onde as autoridades nazistas mataram mais de um milhão de pessoas, em sua maioria judeus, mas também rebeldes poloneses, religiosos, homossexuais e ciganos – ao todo, cerca de 5,5 mmilhões de pessoas foram mortas no Holocausto. Dobrowolski será enterrado nesta quarta em sua cidade natal, Debno.

Relembre os 10 maiores genocídios da história mundial:

(Com agência EFE)