Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Militares desaparecidos em acidente no Japão são considerados mortos

Aeronaves militares americanas colidiram durante treinamento; apenas uma pessoa sobreviveu

O Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos anunciou nesta terça-feira, 11, a morte de seus cinco soldados desaparecidos no acidente entre aviões militares ocorridos na semana passada perto do Japão.

“O Corpo de Fuzileiros Navais declarou mortos os cinco fuzileiros navais remanescentes envolvidos no acidente da FA-18 e do KC-130. A mudança na situação ocorre após a conclusão das operações de busca e salvamento”.

As forças americanas, japonesas e australianas envolvidas nas buscas fizeram “todos os esforços possíveis” para recuperar os desaparecidos, explicou o tenente-general Eric Smith, comandante dos Fuzileiros Navais no Pacífico.

Veja também

O acidente ocorreu a madrugada da última quinta-feira 6, a cerca de 320 quilômetros do litoral japonês.

Uma caça FA-18 Hornet e um avião-tanque KC-130 que tinham saído do aeroporto de Iwakuni e realizavam um exercício de reabastecimento de combustível no ar, se chocaram e caíram ao mar.

Dois pilotos do FA-18 Hornet foram resgatados logos após o acidente, mas um deles não resistiu aos ferimentos e faleceu. Os cinco outros militares, todos declarados mortos, estavam a bordo do KC-130.

As identidades dos cinco americanos mortos serão reveladas pela Marinha americana nos próximos dias. As causas do acidente ainda estão sendo investigadas.

(Com EFE)