Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Militante do ETA é detido na Escócia

Um suposto militante do ETA, Beñat Atorrasagasti, de 36 anos, foi detido na noite de sexta-feira em Edimburgo, capital da Escócia, anunciou o ministério do Interior espanhol.

“Agentes da Polícia escocesa, em colaboração com a Guarda Civil, detiveram por volta das dez horas da noite em Edimburgo (Escócia) Beñat Atorrasagasti Ordóñez”, indicou o ministério em um comunicado.

“Contra este suposto membro da organização existia uma ordem de prisão por formar parte do grupo de terroristas que realizava transportes de materiais e pessoas entre França e Espanha para o ETA”, acrescentou.

Atorrasagasti se incorporou ao ETA em 1996 como membro de um grupo de “portadores”, com a missão de facilitar a passagem pela fronteira entre França e Espanha de pessoas e material para o ETA, disse.

Este grupo foi desarticulado em 2001, em uma operação contraterrorista da Guarda Civil, de cujo dispositivo o integrante detido conseguiu fugir, acrescentou.

As investigações sobre Atorrasagasti começaram há vários meses, explicou o comunicado. “A polícia britânica e a Guarda Civil localizaram a casa alugada pelo homem em Edimburgo, onde residia com sua família há algum tempo”, disse.

Depois de fugir à França, em 2001, se integrou nas estruturas terroristas do ETA clandestinas neste país, e suas pegadas foram encontradas em diversos locais vinculados ao grupo terrorista. Por isso, foi condenado em 2008 pelo Tribunal Criminal de Paris a cinco anos de prisão.