Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Milhares de curdos protestam contra regime sírio

Dezenas de milhares de curdos protestaram nesta segunda-feira, no norte da Síria, contra o regime do presidente Bashar al-Assad e por ocasião do oitavo aniversário dos confrontos sangrentos com as forças de segurança, segundo uma ONG.

“Dezenas de milhares de pessoas protestaram na cidade por ocasião do oitavo aniversário do levante de Qamichli”, anunciou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), acrescentando que “bandeiras curdas foram ostentadas pelos manifestantes”.

As forças de segurança dispararam para dispersar os manifestantes, ferindo três pessoas, informou a OSDH.

Em um vídeo publicado na internet por militantes, várias pessoas aparecem no teto de um edifício que pertence, segundo eles, à segurança militar na cidade próxima a Amuda, agitando as badeiras curda e a da Síria, anterior à do partido Baath.

Nas imagens também se vê quando uma estátua de Hafez al Assad, ex-presidente e pai de Bashar, é atirada do alto do edifício, se quebra e em seguida é chutada pelas pessoas.

Os curdos representam 9% da população e se radicaram no nordeste de Damasco, onde formam uma importante minoria.