Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Mau perdedor: Trump acusa Cruz de fraudar a disputa republicana em Iowa

Por Da Redação 3 fev 2016, 15h27

O pré-candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos Donald Trump acusou nesta quarta-feira o rival Ted Cruz de fraude nas prévias que deram a vitória ao senador do Texas em Iowa na última segunda-feira. O magnata pediu por outra votação ou anulação da vitória de Cruz.

Trump, que ficou em segundo lugar no caucus republicano de Iowa, publicou nesta quarta-feira uma série de tuítes dizendo que o resultado foi contaminado porque a campanha de Cruz espalhou por e-mail a falsa notícia de que Ben Carson estaria desistindo da corrida e informações erradas sobre a posição de Trump a respeito do Obamacare.

Leia mais:

Republicano Rand Paul desiste da campanha à Presidência dos EUA

Quais são as reais chances de Trump ganhar?

EUA: Marco Rubio, o outro vencedor das prévias republicanas em Iowa

A campanha de Cruz afirmou que o e-mail não passou de um mal-entendido e pediu desculpas ao pré-candidato Ben Carson. Apesar da confusão, o neurocirurgião aposentado obteve mais votos do que apontavam as pesquisas em Iowa.

Continua após a publicidade

“Ted Cruz não ganhou Iowa, ele roubou”, escreveu Trump no Twitter (@realDonaldTrump). “É por isso que todas as pesquisas de opinião estavam tão erradas e por isso conquistamos bem mais votos do que antecipamos. Feio!”

De acordo com uma das principais pesquisas de opinião, Trump venceria o senador do Texas com uma vantagem de cinco pontos porcentuais, mas Cruz acabou ganhando, com quatro pontos de frente para o bilionário nova-iorquino.

Reprodução/Twitter

Tuíte do candidato republicano Donald Trump
Tuíte do candidato republicano Donald Trump VEJA

Tuíte do candidato republicano Donald Trump

“Com base na fraude cometida pelo senador Ted Cruz durante o causos de Iowa, ou uma nova eleição deve acontecer ou a anulação dos resultados de Cruz”, escreveu Trump.

Em outra publicação, Trump disse que Cruz mentiu sobre sua opinião a respeito do programa de saúde do presidente Barack Obama.

(Com Reuters)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês