Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Marido da rainha Elizabeth sente dor no peito e vai a hospital

Philip foi examinado em centro cardiológico, informou o Palácio de Buckinham

O príncipe Philip, marido da rainha da Grã-Bretanha, Elizabeth II, foi levado a um hospital nesta sexta-feira após sentir dores no peito, informou o Palácio de Buckingham, sede da monarquia britânica. Aos 90 anos de idade, Philip deu entrada no hospital Papworth, um dos mais importantes centros cardiológicos da Inglaterra, na cidade de Cambridge, leste do país.

“Ele foi levado a Papworth para exames de precaução após sentir dores no peito”, o porta-voz do Palácio de Buckinham disse. “Não temos nada a acrescentar no momento”. O príncipe-consorte estava com parentes em Sandringham Country, propriedade da família real britânica em Norfolk.

De acordo com o Palácio de Buckinham, vinte e sete membros da família real estão reunidos na localidade para celebrar as festas de fim de ano, no primeiro “natal real” da duquesa de Cambridge, Kate Middleton, após o seu casamento com príncipe William, em abril.

Nascido na Grécia em 1921, Philip é o consorte real há mais tempo no cargo. Militar da Marinha Real, ele se casou com Elizabeth em 1947. Os dois tiveram quatro filhos – Edward, Andrew, Anne e Charles, o herdeiro do trono. Apesar da idade, sua saúde é considerada muito boa.

Philip possui o título de duque de Edimburgo, mas não possui nenhuma função no governo. É, entretanto, considerado o chefe da família real no círculo privado dos Windsor. Apesar disso, por causa das regras de protocolo, publicamente sempre deixa os holofotes para a rainha Elizabeth.

(Com agência EFE)