Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Manifestantes anti-Trump se concentram na frente da Casa Branca

Sede oficial do Executivo americano está cercada por cercas e forte esquema de segurança

Por Ernesto Neves Atualizado em 3 nov 2020, 19h44 - Publicado em 3 nov 2020, 19h34

Manifestantes contrários ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, estão reunidos na noite desta terça-feira 3, dia de eleição nacional, na frente da Casa Branca.

A manifestação é puxada por ativistas antirracismo do grupo “Black Lives Matter” (Vidas Negras Importam).

Ao longo de todo o verão, o grupo encabeçou protestos nas principais cidades americanas após a morte de George Floyd, um afro-americano morto por policiais na cidade de Mineápolis, no estado de Minnessota.

Washington está sob inédito esquema de segurança. A Casa Branca foi rodeada por uma cerca impossível de ser escalada, enquanto lojas, hoteis e bancos tiveram suas vitrines cobertas por tapumes.

O mesmo cenário se repete em Nova York, onde pontos icônicos foram fechados. Na Times Square e na Quinta Avenida, lojas de luxo estão sob forte esquema de proteção.

As autoridades americanas temem que as eleições levem a conflitos de rua. Os ânimos podem ficar acirrados caso o resultado demore mais que o normal, ou Donald Trump decida levar a disputa para a Justiça.

Manifestantes do grupo Black Lives Matter na frente da Casa Branca

Continua após a publicidade

Publicidade