Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Malásia prende quarto suspeito da morte de irmão de Kim Jong-un

O meio-irmão do ditador da Coreia do Norte passou mal após ter um líquido borrifado contra seu rosto, na Malásia

A polícia da Malásia prendeu na noite de sexta-feira o quarto suspeito de ligação com o assassinato em Kuala Lumpur de Kim Jong-nam, irmão mais velho do líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un.

O norte-coreano Ri Jong-chol, de 46 anos,  foi detido em Selangor. Já estão presos a vietnamita Doan Thi Huong de 29 anos, detida na quarta-feira; a indonésia Aishah, de 25; e um malaio, ambos detidos separadamente na quinta-feira.

A suspeita é que as duas mulheres teriam envenenado Kim Jong-nam em um terminal do Aeroporto Internacional de Kuala Lumpur na última segunda-feira, onde o norte-coreano tinha ido para pegar um voo para Macau. De acordo com as gravações das câmeras de segurança do aeroporto, as duas mulheres aparecem em alguns momentos acompanhadas por quatro homens.

 

Kim Jong-nam, de 46 anos, vivia há anos no exílio e morreu na última segunda-feira, na Malásia. Meios de comunicação locais informaram que um líquido foi lançado contra o seu rosto com ajuda de um spray, na praça de alimentação do aeroporto de Kuala Lampur.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Adilson Nagamine

    Qual será o próximo alvo? Um líder Sul coreano? Japonês? Americano?

    Curtir