Clique e assine com até 92% de desconto

Mais de seis meses depois, corpo é encontrado em balsa naufragada

Este é o primeiro corpo resgatado em mais de três meses. Ainda há nove desaparecidos

Por Da Redação 28 out 2014, 14h57

Foi encontrado nesta terça-feira o corpo de uma das vítimas da tragédia da balsa que naufragou na Coreia do Sul há mais de seis meses, deixando mais de 300 mortos, entre eles nove desaparecidos. O corpo foi encontrado por mergulhadores trancado em um banheiro feminino do quarto andar da embarcação, informou a rede americana CNN. Este é o primeiro corpo resgatado em mais de três meses.

As autoridades locais prometeram continuar com as buscas pelos corpos até as famílias pedirem o encerramento da operação. A varredura, no entanto, só poder ser realizada em condições climáticas favoráveis. Oficiais acreditam que as equipes terão de ficar afastadas do local quando começar o inverno sul-coreano. A cautela tem sido adotada devido à complexidade das buscas. A falta de segurança já provocou a morte de mergulhadores que tentavam encontrar corpos na balsa.

Leia também:

Dono de balsa que afundou morreu com malas de dinheiro

Vídeo revela pânico em balsa que afundou na Coreia do Sul

Imagens mostram capitão abandonando o navio naufragado

Na segunda-feira, os promotores responsáveis pelo caso pediram a condenação do capitão da balsa, Lee Joon-seok, à pena de morte. O réu foi acusado de assassinato ao abandonar a embarcação sem ter coordenado o resgate dos passageiros.

A maioria das vítimas do desastre com a balsa sul-coreana era formada por estudantes de ensino médio que viajavam junto com professores. A tragédia provocou forte comoção no país e revoltou a população, insatisfeita com as frágeis regulamentações de segurança.

Continua após a publicidade
Publicidade