Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mais cinco militares venezuelanos cruzam a fronteira com o Brasil

No total, doze membros da Guarda Nacional Bolivariana desertaram desde o sábado

Outros cinco militares da Guarda Nacional Bolivariana cruzaram a fronteira da Venezuela com o Brasil na noite desta terça feira, 26, de acordo com o Exército brasileiro. Os oficiais venezuelanos saíram da cidade de Santa Elena e chegaram a Pacaraima, no estado de Roraima, através de trilhas na mata, por volta das 21h.

No total, já são doze membros da Guarda Nacional Bolivariana que desertaram desde sábado e pediram refúgio no Brasil. Em Pacaraima eles são alimentados, hidratados e passam por uma triagem feita pelo Exército, no âmbito da Operação Acolhida.

De acordo com os outros sete militares venezuelanos que desertaram nos últimos dias, não há comida nem local para descanso nos postos montados no lado venezuelano da fronteira com o Brasil.

Turistas brasileiros

Na noite de terça, um grupo de 152 brasileiros que havia ficado retido na Venezuela depois do fechamento da fronteira recebeu autorização para cruzar a divisa e voltar a Pacaraima. São homens e mulheres que estavam fazendo turismo no Monte Roraima, além de moradores e pessoas que estavam abrigadas no consulado brasileiro em Santa Elena, cidade venezuelana mais próxima do Brasil. Cerca de 30 veículos cruzaram a fronteira.

A negociação para liberação do grupo durou todo o dia e foi intermediada pelo vice-cônsul do Brasil em Santa Elena, Ewerton Oliveira, junto ao governo da Venezuela.