Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Líder do Talibã paquistanês morre em ataque aéreo, diz Afeganistão

Militante mais procurado do Paquistão, Mullah Fazlullah é o responsável pelo atentado em 2012 contra a estudante paquistanesa Malala Yousafzai

Por Da Redação - 15 jun 2018, 11h07

O líder do Talibã do Paquistão, Mullah Fazlullah, foi morto em um ataque aéreo conduzido por forças americanas e afegãs na fronteira do país com o Afeganistão, disse uma autoridade do Ministério de Defesa afegão nesta sexta-feira (15). A morte de Fazlullah  deve atenuar as tensões entre os Estados Unidos e o Paquistão.

Fazlullah era o militante mais procurado do Paquistão, conhecido por diversos ataques, incluindo um massacre em uma escola que deixou 132 mortos em 2014 e um atentado em 2012 contra a estudante Malala Yousafzai, que sobreviveu e ganhou o Nobel da Paz.

As Forças Armadas norte-americanas disseram na quinta-feira (14) que haviam conduzido um ataque visando uma importante figura militante na província afegã de Kunar, localizada na fronteira com o Paquistão, e uma autoridade dos Estados Unidos disse que acreditava-se que o alvo era Fazlullah.

(Com Reuters)

Publicidade