Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Líder do Hamas inicia 1ª viagem internacional desde 2007

Por Da Redação 25 dez 2011, 07h20

Gaza, 21 dez (EFE).- O líder do governo palestino do Hamas em Gaza, Ismail Haniyeh, iniciou neste domingo sua primeira viagem ao exterior desde 2007, na qual visitará Egito, Sudão, Turquia, Tunísia, Bahrein e Catar, informou um de seus assessores, Youssef Rezqa.

Haniyeh sairá da faixa rumo ao Egito pelo acesso de Rafah para iniciar um périplo destinado a obter apoio para a causa palestina e a reconstrução de Gaza, explicou Rezqa em comunicado.

Na agenda estão dois países com uma crescente influência do islamismo após a queda dos antigos regimes – Egito e Tunísia – e outro, a Turquia, que está refazendo seu mapa de prioridades estratégicas e cuja tradicional aliança com Israel está abalada.

A viagem, que inclui apenas países muçulmanos, é a primeira de Haniyeh desde que seu movimento, o islâmico Hamas, tomou o controle completo de Gaza após derrotar as forças leais ao presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP) e líder do Fatah, Mahmoud Abbas, em junho de 2007.

Haniyeh foi então destituído por Abbas como primeiro-ministro, o que gerou dois governos palestinos separados geográfica e ideologicamente: o islamita do Hamas, em Gaza, e o nacionalista da ANP, sustentado pelo Fatah, na Cisjordânia.

A maior parte dos dirigentes árabes optou por continuar tratando com Abbas e evitar ou manter relações superficiais com Haniyeh.

No domingo passado, no entanto, o emir do Catar, Hamad Bin Khalifa al-Zani, convidou Haniyeh a visitar o emirado, o que no final se transformou em uma viagem cuja agenda foi crescendo pouco a pouco durante a semana.

Após sua vitória nas eleições legislativas palestinas de 2006, o Hamas foi boicotado pela União Europeia (UE) e os Estados Unidos (EUA) por sua rejeição a cumprir as condições do Quarteto para o Oriente Médio (UE, EUA, ONU e Rússia): renunciar à violência, e reconhecer Israel e os acordos assinados por israelenses e palestinos. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade