Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

“Jovem tigre” assusta moradores nos arredores de Paris

Moradores de um subúrbio próximo à Disney francesa disseram que um lince está rondando a região. Especialistas suspeitam tratar-se de um jovem tigre

Por Da Redação 13 nov 2014, 16h26

As autoridades francesas mobilizaram equipes formadas por veterinários e biólogos e um helicóptero da polícia para encontrar um felino de médio a grande porte avistado por moradores no subúrbio de Montévrain, nos arredores de Paris. O animal, visto no estacionamento de um mercado, foi descrito por uma moradora como um lince, mas especialistas suspeitam tratar-se de um jovem tigre.

Montévrain fica a poucos quilômetros da versão europeia do parque da Disney, mas a administração já negou abrigar animais deste porte. Os moradores foram orientados pela polícia a não sair a pé pela região.

Jean-Baptiste Berdeaux, proprietário de um supermercado na região, disse que sua mulher viu o felino pela manhã. “Ela não saiu do carro. Apenas me ligou e disse que tinha visto um lince”, declarou Berdeaux, ao jornal Le Parisien. A mulher tirou uma foto do que parece ser um animal de grande porte, segundo o Daily Telegraph. Outros moradores voltaram a se deparar com o felino à tarde.

Leia também:

Tigre branco mata jovem em zoológico na Índia

Continua após a publicidade

Autoridades se mobilizam para capturar Leopardo na Índia

Acidente de carro provocado por elefante deixa 6 mortos na Tailândia

Buscas – Armados com sedativos e seringas, especialistas e veterinários do Parque dos Felinos – um grande santuário de vida selvagem em Lumingny-Nesles-Ormeaux, localizado a 32 quilômetros de Montévrain -, foram deslocados para achar o animal, com a ajuda de policiais, bombeiros e um cão treinado para caçar lobos.

“Vamos tentar sedá-lo. Se ele se tornar agressivo, então daremos a ordem para matá-lo”, disse um porta-voz da prefeitura. A diretoria do parque disse que monitora o caso e que não registrou o desaparecimento de nenhum animal da sua reserva.

Circo – Moradores levantaram a hipótese de o animal tenha fugido de um circo que passou pela região, mas o prefeito de Montévrain rechaçou a hipótese. “O circo foi embora no sábado. As equipes sanitárias realizaram uma checagem no local e não viu nenhum tigre”, comunicou o gabinete do político.

Continua após a publicidade

Publicidade