Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jovem jornalista americano é encontrado morto em poço de elevador no México

México, 2 jul (EFE).- O jornalista americano Armando Montaño, estagiário da agência de notícias ‘The Associated Press’ (AP) na Cidade do México, foi encontrado morto neste fim de semana no poço de elevador de um prédio próximo de sua casa e, até o momento, as causas de sua morte seguem desconhecidas.

O corpo foi encontrado na noite do sábado no poço do elevador de um edifício situado no bairro da Condessa, muito perto do domicílio do jovem, de 22 anos e original de Massachusetts (EUA), detalharam os porta-vozes da promotoria local.

A agência de notícias americana emitiu uma nota relatando a morte de Montaño, que tinha chegado à Cidade do México no começo de junho para exercer jornalismo neste país.

De acordo com a diretora de AP para a América Latina, Marjorie Miller, o jovem não estava em nenhuma cobertura jornalística no momento em que perdeu a vida.

Segundo a nota, o estagiário sempre mostrou entusiasmo e paixão por seu trabalho e durante sua curta estadia na capital cobriu inúmeros fatos, entre eles o caso dos três policiais federais assassinados por três companheiros no aeroporto da capital em uma investigação contra uma rede de tráfico de drogas.

A embaixada dos Estados Unidos no México, por sua vez, comentou que acompanhará as investigações da morte de Montaño de perto. EFE