Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Quebec: Jovem com roupas medievais mata duas pessoas

Cinco pessoas também ficaram feridas no ataque na cidade canadense na noite de Halloween

Por Da Redação Atualizado em 1 nov 2020, 12h36 - Publicado em 1 nov 2020, 09h40

Duas pessoas morreram e cinco ficaram feridas na noite deste sábado, 31, na cidade canadense de Quebec quando foram esfaqueadas por um jovem que acabou detido, informou a polícia.

O suspeito, um rapaz de 24 anos armado com uma espada japonesa e vestido com roupas “medievais”, foi preso pouco antes da 1h, anunciou Etienne Doyon, porta-voz da polícia da cidade, sem revelar o motivo do ataque na noite de Halloween.

As agressões aconteceram no centro histórico, perto do hotel Château Frontenac e da Assembleia Nacional, o parlamento provincial de Quebec. A corporação disse que ele queria “fazer o maior número de vítimas possível” e as escolheu ao acaso, mas não está associado a um grupo terrorista.

A polícia pediu aos moradores que permaneçam em suas casas com as portas fechadas durante a investigação, mas não revelou um motivo para os ocorridos.

  • “Era um homem vestido com roupa medieval. Ele carregava uma espada. São ferimentos provocados por arma branca, isto é tudo que podemos dizer no momento”, afirmou Doyon.

    As cinco vítimas que sobreviveram ao ataque sofreram ferimento de diversas gravidades. O suspeito se entregou à polícia e, no momento da detenção, estava no chão, descalço e hipotérmico, informou o Le Soleil.

    Fontes afirmaram que ele planejou o ataque por um ano e meio. Devido à pandemia de coronavírus, as ruas do centro histórico de Quebec estavam tranquilas no momento dos ataques.

    (Com AFP)

    Continua após a publicidade
    Publicidade