Clique e assine a partir de 9,90/mês

Joseph Lowery, líder dos direitos civis nos EUA, morre aos 98 anos

Lowery trabalhou ao lado das principais figuras do movimento dos direitos civis como Martin Luther King e Jesse Jackson

Por AFP - Atualizado em 28 mar 2020, 09h10 - Publicado em 28 mar 2020, 08h28

O reverendo Joseph Lowery, líder do movimento de luta por direitos civis nos Estados Unidos, que fez campanha ao lado de Martin Luther King, morreu na sexta-feira aos 98 anos, informou a imprensa americana. A morte de Lowery foi confirmada por Imara Canady, integrante da diretoria do Instituto Joseph & Evelyn Lowery, afirmou o canal CNN.

Nascido em 1921, Lowery trabalhou ao lado das principais figuras do movimento dos direitos civis como King e Jesse Jackson. Ele foi um dos apoiadores da fundação da Southern Christian Leadership Conference (SCLC), o grupo de defesa dos direitos civis iniciado por King.

Junto de Martin Luther King, o reverendo Joseph Lowery (ao centro, atrás de King) fala a jornalistas sobre do fim da Guerra do Vietnã, em uma igreja de Washington DC: Lowery foi figura decisiva na batalha comandada por King na conquista de direitos iguais pela população negra dos Estados Unidos / Joseph Kipple/Getty Images

Lowery foi escolhido para discursar na cerimônia de posse do primeiro presidente negro do país, Barack Obama, em 2009, e pouco depois foi homenageado com a Medalha da Liberdade, o prêmio civil mais importante dos Estados Unidos. “O reverendo Joseph Lowery era um lutador pelos direitos civis”, disse o congressista John Lewis ao jornal The Atlanta Journal-Constitution.

“Ele falou, falou, nunca se deu por vencido. Marchou e protestou em todo Estados Unidos. Lamentamos seu falecimento esta noite”, completou Lewis.

Continua após a publicidade

Esta noite, o grande reverendo Joseph E. Lowery fez a transição da Terra para a eternidade. Nossos pensamentos e orações estão com sua família”, afirmou no Twitter o Centro King, com sede em Atlanta. “Era um defensor dos direitos civis, um adversário da injustiça, um querido amigo da família King”.

Publicidade