Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Jornalista Charlie Rose é acusado de assédio por oito mulheres

Americano foi suspenso pela rede de TV CBS, onde apresenta duas atrações, e terá a distribuição de seu programa de entrevistas interrompida pela PBS

Um dos mais célebres jornalistas americanos, Charlie Rose, de 75 anos, está sendo acusado de assédio sexual por oito mulheres, segundo uma reportagem publicada pelo jornal The Washington Post nesta segunda-feira. As mulheres afirmam que receberam telefonemas indecentes do jornalista, que também teria se exposto a elas e apalpado seus seios e genitais. Os casos teriam acontecido entre 1990 e 2011, com mulheres de 21 a 37 anos.

Por causa das acusações, Rose foi suspenso da rede americana CBS, onde apresenta os programas CBS This Morning e 60 Minutes. O jornalista também terá a distribuição de seu programa de entrevistas interrompida pela rede pública PBS.

Das oito mulheres, cinco não quiseram que seu nome fosse revelado na reportagem por medo de sofrerem represálias. Cinco vítimas afirmam ter sido tocadas em suas coxas por Rose. Duas mulheres dizem que o jornalista se expôs, nu, a elas, depois de tomar banho. Uma, que trabalhou com ele, diz que o americano apalpou seu bumbum durante uma festa.

Reah Bravo, que concordou em ter seu nome divulgado pelo Post, afirma que trabalhava como estagiária no programa de Rose na emissora PBS em 2007 quando foi assediada pelo jornalista. Outra mulher, Kyle Godfrey-Ryan, assistente do americano em meados da década de 2000, afirma que o jornalista andou nu na sua frente. Ela também teria recebido diversas ligações de Rose em horários impróprios e ouvido dele sobre sonhos em que ela nadava nua na piscina enquanto ele olhava.

Ao Post, Charlie Rose enviou uma declaração pedindo desculpas, mas ressaltou que pensava que sua aproximação era consentida por algumas das vítimas. “É essencial que essas mulheres saibam que eu as escuto e que eu sinto muito por meu comportamento impróprio”, disse. “Estou muito envergonhado. Eu me comportei de maneira insensível algumas vezes, e eu aceito a responsabilidade por isso, apesar de não acreditar que todas essas acusações estão corretas. Eu sempre achei que eu estava buscando sentimentos que eram compartilhados, e agora percebo que estava enganado.”