Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Irã e potências mundiais devem retomar diálogo em junho

Reunião entre diplomatas para resolver litígio nuclear terminou sem acordo

Por Da Redação 24 Maio 2012, 15h12

O Irã e o Grupo 5 +1 concordaram em fazer uma segunda rodada de conversas sobre o controverso programa nuclear iraniano em Moscou, em 18 e 19 junho, anunciaram nesta quinta-feira autoridades europeias. A decisão foi tomada após o segundo dia de negociações entre as delegações diplomáticas em Bagdá, no Iraque.

Segundo a autoridade máxima da União Europeia para Relações Exteriores, Catherine Ashton, as ‘diferenças significativas’ entre as posições da comunidade internacional e a do Irã continuam, mas alguma base para negociações foi encontrada. A União Europeia também participou das reuniões através de Catherine.

Seis potências mundiais ofereceram ao Irã uma proposta para que este país pare de processar urânio enriquecido, que pode ser usado para bombas atômicas. Contudo, Teerã continua a insistir que o seu enriquecimento de urânio é um direito não negociável.

Em entrevista coletiva após a reunião, Catherine descreveu os dois dias de conversa como ‘intensos’. Os negociadores do Grupo 5 + 1 (os cinco membros do Conselho de Segurança da ONU – Estados Unidos, Rússia, China, França e Grã-Bretanha – e a Alemanha) ofereceram um ‘pacote’ combinando velhas e novas propostas, e pediram em troca o fim do enriquecimento de urânio a 20%. Porém, o governo iraniano disse que o pacote não era ‘balanceado’ e fez uma contraproposta ainda desconhecida.

Continua após a publicidade
Publicidade