Clique e assine a partir de 8,90/mês

Irã afirmou ter derrubado dois aviões espiões ocidentais

'Drones', usados sobretudo no Iraque e no Afeganistão, teriam sofrido desvios

Por Da Redação - 2 jan 2011, 11h52

A Guarda Revolucionária iraniana destruiu “dois aviões espiões ocidentais” não tripulados – os chamados “drones” – no Golfo Pérsico, informou um alto oficial do corpo de elite destas forças de segurança à agência de notícias Fars.

“Os ocidentais dispõem de capacidades que não podem ser ignoradas, em particular satélites ou aviões espiões que podem tirar fotos”, disse Amir Ali Hajizadeh, comandante da força aérea da Guarda Revolucionária. “Destruímos, até o momento, vários de seus aviões espiões mais avançados. No Golfo Pérsico, destruímos dois deles, e é a primeira vez em que o dizemos”, destacou.

Os “drones” (aviões não tripulados) são usados sobretudo no Iraque e no Afeganistão. Porém, segundo acrescentou o oficial, ocorreram “algumas violações” dos territórios.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade