Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Inglaterra pode abandonar ‘God Save The Queen’ e ter novo hino

Por Da Redação 14 jan 2016, 08h12

A Inglaterra está analisando a possibilidade de adotar um novo hino para ser executado em competições esportivas. A ideia é que a canção possa representar exclusivamente o país, e não a Grã-Bretanha, que conta com a Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte. A mudança foi colocada em votação na Câmara dos Comuns, uma das Casas do Parlamento, com iniciativa do deputado trabalhista Toby Perkins, que atendeu a pedidos do público.

A Inglaterra não tem um hino oficial. Portanto, quando se apresenta sozinha em competições esportivas, tradicionalmente executa a música “God Save The Queen” (“Deus, Salve a Rainha”, na tradução), que representa todo o reino sob poder da monarquia britânica. Os escoceses, galeses e norte-irlandeses, por sua vez, possuem um hino próprio, o que incentivou os ingleses a quererem um hino também. “A Inglaterra é parte da Grã-Bretanha, mas compete como um país próprio. Acho uma canção que celebre a Inglaterra mais apropriada”, disse o deputado.

Leia também

25 mil ingressos são vendidos para aniversário de 90 anos da rainha Elizabeth II

Grã-Bretanha receberá 20 mil refugiados até 2020, anuncia Cameron

Perkins sugeriu a convocação de um referendo popular para decidir se o hino pode ser uma canção antiga ou uma nova. O primeiro-ministro britânico, David Cameron, disse que sua candidata preferida é “Jerusalem”, melodia adaptada do poema “And did those feet in ancient time”, escrito em 1804 por William Blake. No entanto, esta não é a primeira vez que o assunto surge no país. Em abril de 2007, o parlamentar Greg Mulholland pediu um novo hino para os atletas do país, mas sua iniciativa não prosperou.

(Com ANSA)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)