Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Incêndio no Chile devasta 12.560 hectares

Por Da Redação 1 jan 2012, 11h40

O número de hectares arrasados no incêndio florestal no parque Torres del Paine, na Patagônia chilena, aumentou a 12.560, segundo o boletim mais recente, ao mesmo tempo que fontes ligadas ao israelense acusado de iniciar o incêndio negaram sua responsabilidade.

“De acordo com o boletim da Corporação Nacional Florestal (Conaf), o incêndio afetou um total de 12.560 hectares”, disse o diretor do Centro Nacional de Emergências (Onemi), Vicente Núñez.

Após um rápido avanço do fogo, as melhores condições climáticas permitiram no sábado que os bombeiros controlassem seis fogos de incêndio.

Neste domingo, pessoas ligadas a Rotem Singer, um israelense de 23 anos acusado pelas autoridades chilenas de iniciar o fogo depois de agir de forma negligente ao não apagar de forma adequada um rolo de papel higiênico, negaram sua responsabilidade.

A polícia chilena deteve por algumas horas no sábado o israelense. Ele foi liberado, mas será indiciado por um tribunal de Puerto Natales.

Uma amiga de Singer, Mandi Gisser, afirmou que não há possibilidade do israelense ter iniciado o incêndio, pois não existiam as condições para provocar as chamas a partir de uma pequena faísca.

Continua após a publicidade
Publicidade