Clique e assine com 88% de desconto

Hong Kong confirma 1ª morte por coronavírus; número no mundo chega a 427

Além do óbito no território semiautônomo chinês nesta segunda-feira, uma pessoa morreu nas Filipinas no fim de semana

Por Da Redação - Atualizado em 4 fev 2020, 07h41 - Publicado em 4 fev 2020, 02h09

Hong Kong confirmou nesta segunda-feira, 3 (terça-feira, no horário local), a primeira morte em decorrência do novo coronavírus. Desta forma, chegam a 426 os óbitos em toda a China, além de mais de 20 mil casos confirmados da doença.

A vítima no território semiautônomo é um homem de 39 anos. Esta foi a segunda morte confirmada fora da China continental, já que no fim de semana, as Filipinas registraram a primeira morte por coronavírus no país. A vítima foi um homem natural de Wuhan, epicentro da epidemia, que teria se contaminado antes de chegar ao país.

A província de Hubei, onde fica a cidade de Wuhan, teve a maior parte das mortes: 414, além de mais de 13,5 mil casos. No mundo, 24 países confirmaram ter pessoas infectadas.

Casos suspeitos no Brasil

Publicidade

O Ministério da Saúde informou na segunda-feira 3 que o Brasil tem 14 casos suspeitos de coronavírus, dois a menos que o boletim anterior, onde eram contabilizados dezesseis casos suspeitos. Os estados com casos suspeitos da doença são: Rio de Janeiro (1), Rio Grande do Sul (4), Santa Catarina (2) e São Paulo (7). Até o momento, treze casos já foram analisados e descartados.

Entre os casos suspeitos, onze estão na etapa de testes para vírus comuns, como o influenza. Caso um destes testes dê positivo, a suspeita de coronavírus é descartada. Já os outros três casos estão fase de teste específico para o 2019 n-CoV.

Publicidade