Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Hollande pede mobilização urgente de fundos estruturais para Grécia

Por Da Redação 24 Maio 2012, 00h03

Bruxelas, 24 mai (EFE).- O presidente francês, François Hollande, pediu nesta quinta-feira (data local) para se mobilizar ‘rapidamente’, em muito curto prazo, os fundos estruturais europeus para favorecer o crescimento da Grécia.

‘Insistimos na vontade de a Grécia ficar no euro, respeitando seus compromissos’, enfatizou Hollande em entrevista coletiva ao término do Conselho Europeu informal que os chefes de Estado e de Governo dos 27 países concluíram de madrugada em Bruxelas.

‘Haverá uma mobilização de fundos estruturais para apoiar o fundo de crescimento grego, e dar assim confiança aos eleitores gregos no que diz respeito ao que vai acontecer depois do dia 17 de junho’, destacou.

Perguntado sobre a possibilidade de o Governo resultante desse pleito não ser a favor de respeitar os compromissos adquiridos pelo país para continuar se beneficiando da ajuda da UE, Hollande assegurou que os parceiros europeus vão continuar insistindo em que as autoridades gregas ‘respeitem suas obrigações’.

‘Peço que, além do que os gregos vão aplicar, e além do que a zona do euro já fez pela Grécia, os fundos estruturais possam se mobilizar rapidamente para estimular o crescimento da Grécia em um prazo muito curto’, insistiu Hollande.

O objetivo, disse, é que os cidadãos gregos ‘possam ter confiança na zona do euro e vejam que eles têm obrigações para respeitar, mas também a perspectiva de voltar ao crescimento e uma melhora de suas condições’.

Perguntado se a UE trabalha com a possibilidade de uma saída da Grécia da eurozona, Hollande assegurou que, se isso fosse verdade, ‘já teríamos enviado um sinal, um sinal aos gregos e um sinal aos mercados’. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade