Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Hamid Karzai espera conseguir ‘maior regulação’ para combater corrupção

Por Da Redação 9 jul 2012, 02h33

Tóquio, 9 jul (EFE).- O presidente afegão, Hamid Karzai, buscará ampliar o marco legal para lutar contra a corrupção em seu país, um dos compromissos adquiridos ontem na Conferência sobre o Afeganistão, na qual os doadores lhe prometeram US$ 16 bilhões de dólares para o desenvolvimento.

Assim assegurou nesta segunda-feira o líder em entrevista coletiva em Tóquio, onde afirmou que nos dois anos que lhe restam até as eleições presidenciais pretende constituir uma ‘maior regulação e aplicação igualitária da lei para os corruptos’.

‘Alguns deles podem estar vinculados a nosso Governo, e por isso não devem ficar imunes’, acrescentou.

Até 2014 seu Governo buscará, entre outras coisas, ‘melhorar as condições dos funcionários e das forças de segurança’ e uma ‘maior capacitação das instituições’, detalhou Karzai.

Além disso, disse que espera avançar em assuntos como a desigualdade de salários, algo segundo sua opinião muito patente no caso dos afegãos, que por ter dupla nacionalidade podem cobrar salários que equivalem a sete ou oito vezes uma relação corrente no país. EFE

Continua após a publicidade

Publicidade