Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Greve geral na Espanha antes da aprovação do orçamento 2012

Por Dominique Faget
28 mar 2012, 13h03

Os espanhóis se preparam para uma greve geral na quinta-feira para protestar contra a reforma trabalhista e as medidas de austeridade do governo conservador, que devem apertar ainda mais o orçamento do Estado para 2012, que será apresentado na sexta-feira.

“É a resposta justa (…) a uma reforma brutal de nossas relações trabalhistas”, assegurou Ignacio Fernández Toxo, secretário-geral do sindicato Comissões Operárias (CCOO), principal patrocinador da mobilização junto a outra central majoritária, a União Geral de Trabalhadores (UGT).

Os sindicatos querem protestar contra uma reforma trabalhista, aprovada no dia 11 de fevereiro pelo governo conservador de Mariano Rajoy, que tem por objetivo relançar a criação de empregos em um país com uma taxa de desemprego recorde de 22,85%, que castiga especialmente os jovens de menos de 25 anos (48,6%).

Os organizadores do protesto consideram que esta reforma apenas torna as demissões mais baratas e “não vai resolver nem a crise de emprego, nem a crise econômica”.

Continua após a publicidade

A greve “não vai servir para corrigir os problemas da Espanha”, afirmou Rajoy na terça-feira em Seul, convencido dos benefícios das medidas adotadas até agora por seu governo (aumento de impostos, cortes orçamentários) para tentar reduzir o déficit público espanhol de 8,5% do PIB do fim de 2011 a 5,3% neste ano e relançar a economia.

Mais de 100 manifestações foram convocadas em todo o país, sendo uma das maiores a que percorrerá pela tarde o centro de Madri a partir da Praça de Netuno até terminar na emblemática Porta do Sol.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.