Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Governador da Toscana situa em 17 os desaparecidos do ‘Costa Concordia’

Por Da Redação 15 jan 2012, 10h20

Roma, 15 jan (EFE).- O número de desaparecidos no acidente envolvendo o transatlântico ‘Costa Concordia’ na ilha italiana de Giglio, 36h depois da embarcação encalhar e virar, chega a 17, afirmou neste domingo Enrico Rossi, presidente da região da Toscana (centro italiano), à qual pertence a ilha.

Rossi detalhou que dessa quantia, 11 são passageiros e seis membros da tripulação.

No navio, que chocou contra uma rocha da ilha de Giglio às 20h45 de sexta-feira (hora local) viajavam 4.229 pessoas, sendo 3.209 passageiros de 62 países, em sua maioria da Itália, França e Alemanha.

O número de mortos se mantém em três, um peruano membro da tripulação e dois turistas franceses. Já os feridos somam 50.

Três pessoas foram retiradas vivas do navio nas últimas horas. Dois japoneses que eram dados como desaparecidos foram localizados em Roma, onde haviam chegado, mas ainda não tinham se apresentado as autoridades. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade