Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Francês detido na Ucrânia planejava ataques durante a Eurocopa 2016

O chefe do Serviço de Segurança Pública da Ucrânia (SBU) afirmou nesta segunda-feira que um cidadão francês detido no final de maio na fronteira entre Ucrânia e Polônia planejava uma série de ataques na França, que iriam coincidir com o campeonato de futebol Eurocopa 2016.

De acordo com a rede britânica BBC e o jornal francês Le Monde, Vasily Gritsak disse que o homem, identificado pela imprensa francesa apenas como Gregoire M, entrou em contato com grupos armados ilegais na Ucrânia com o objetivo de comprar armas e explosivos. “O suspeito francês falou de forma negativa sobre ações de seu governo, imigração em massa, o crescimento do islamismo e globalização, e também falou sobre planos de realizar diversos ataques terroristas”, disse Gritsak.

Leia também

Suspeito de ataques em Paris, Abdeslam se recusa a falar em primeira audiência na França

França vai criar centros de desradicalização em todo o país

O suspeito foi descrito como um funcionário de uma cooperativa agrícola da região de Lorraine no leste de França. Ele não tem antecedentes criminais, reporta o Le Monde. A SBU informou que estava observando o suspeito desde dezembro do ano passado e que ele tinha comprado cinco fuzis Kalashnikov, dois lançadores de granadas, cerca de 5.000 cartuchos de munição, detonadores, e uma grande quantidade de explosivo TNT.

(Da redação)